Buscar
  • Opinião com Assinatura

Luís Teves 16/09/2020 - A COMISSÃO DA DESONRA



Muito se tem falado e escrito sobre o facto do primeiro-ministro português ter decidido, na sua condição de “sócio do Benfica”, integrar a Comissão de Honra de um candidato às eleições do seu clube. Na minha condição de português, com dupla cidadania e residente no estrangeiro, esta escolha não me afecta financeiramente de modo nenhum uma vez que eu, pessoalmente, não tenho que pagar pelos buracos que o tal candidato a presidente do clube da Luz causou à banca. Não me custou um cêntimo, mas indignou-me de sobremaneira.

Esta é uma situação que espelha bem a promiscuidade entre o futebol e muitas outras instituições da sociedade portuguesa e que deve merecer, por parte dos eleitores portugueses, uma reflexão séria e fria sobre quem elegem para cargos públicos. Não me surpreendeu minimamente que António Costa tenha decidido fazer parte de tal comissão. Quantas vezes já vimos o primeiro-ministro prostrar-se perante um condenado criminoso, e sentar-se ao lado dele no estádio da Luz? Ao longo dos últimos 3 anos, apesar da divulgação de inúmeros processos legais onde Luis Filipe Vieira se encontra envolvido, e em alguns, arguido, nunca António Costa se afastou do presidente do Benfica. Porque devia fazê-lo agora? O facto é que vocês portugueses elegeram este homem para primeiro-ministro e ele agora mostra-vos o dedo do meio com um sorriso nos lábios. Problema vosso. Se não estão satisfeitos votem em alguém que não proteja um indivíduo que deve milhões aos bancos que vocês portugueses são depois obrigados a resgatar com o dinheiro dos vossos impostos. E quando algum de vocês, benfiquistas, se queixar que o dinheiro que pagam de impostos não vos proporciona serviços públicos de qualidade, assistência social aceitável ou sistema de educação de primeira linha lembrem-se em quem votaram e que ligações o vosso primeiro-ministro tem com gente corrupta que vos anda a meter a mão no bolso enquanto dirige o vosso clube.

Infelizmente o problema não acaba aqui. Como é do conhecimento público, são vários os comentadores, apresentadores e “isentos jornalistas” que se prostituíram e aceitaram fazer parte da mesma comissão de honra. Falo de gente como Cristina Ferreira, João Gobern, Paulo Garcia, Rui Pedro Braz e Nuno Farinha só para mencionar alguns. Gente que entra nas vossas salas através do ecrã mágico ou dos pasquins sem vergonha e vos fornecem informação supostamente factual e isenta. Depois há os órgãos de comunicação social que pura e simplesmente evitam a todo o custo mencionar ou debater este assunto polémico para não enfurecer o Dono Disto Tudo. Falo como é óbvio daquele canal dos três otários…perdão Octávios, que está há anos ao serviço da causa do polvo.

 


Como se isto não bastasse eis que a Polícia Judiciária também não quis ficar atrás e são já pelo menos meia dúzia de Inspectores da PJ que se apressaram para não perderem esta oportunidade única. Em tempos passados uma Comissão de Honra seria constituída por gente honrada que, por sua vez, apoiavam um candidato digno, escrupuloso e decente. Hoje ninguém tem vergonha de dar o seu apoio a um condenado, arguido num processo de corrupção e suspeito de tentar subornar juízes, corromper jogadores, que está envolvido numa longa lista de processos judiciais como vouchers, e-mails, e-Toupeira, Mala Ciao, Jogos Viciados e Operação Lex. Isto só nos últimos cinco anos.

Quando o primeiro-ministro de Portugal não teme as consequências políticas da sua associação e apoio a um indivíduo do calibre de Luis Filipe Vieira isto diz tudo sobre aquilo que António Costa pensa do seu eleitorado. São uns patetas, frouxos, resignados que nas próximas eleições votarão nele, na mesma. Não deve haver país nenhum no mundo onde um primeiro-ministro que apoiasse e protegido um vigarista que deve 700 milhões à banca, que tenha tido dívidas de 250 milhões, perdoadas por um banco que tenha sido resgatado com o dinheiro do erário público que não tenha sido obrigado a demitir-se.

 


Em Portugal nada lhe acontecerá porque povo não tem cultura cívica e não sabe punir quem lhe anda a roubar há décadas. Até o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, que já referiu que irá ter uma conversa com o primeiro-ministro acerca deste tema, provavelmente só agora o faz porque tem uma concorrente às eleições, que demonstra ter uma posição firme contra a corrupção. Até agora o professor Marcelo nada fez para combater a corrupção e era visto com frequência sentado ao lado de Ricardo Salgado a assistir a jogos de ténis. Ele próprio afirmou ao Expresso que não iria deixar de privar com Salgado. Provavelmente porque a namorada pertencia ao Conselho de Administração do BES e até lhe chegou a propor um louvor para Salgado quando o banco caiu.

Estes mesmos senhores foram lestos a criticar, e recusaram sentar-se ao seu lado de um homem que tentou lutar contra a corrupção no futebol, que apontou o dedo à promiscuidade entre o futebol e a política, que desvendou práticas ilegais no desporto e que denunciou contractos ilícitos firmados por empresas como a Doyen para contornar regras financeiras. Com este ninguém se quis sentar. A este homem tudo fizeram para o arruinar. Acusaram-no de 98 crimes sem terem evidência que ele tenha cometido sequer um deles, julgaram-no na praça pública com a ajuda dos “jornalistas isentos”, detiveram-no na sua residência e cozinharam contra ele um processo jurídico que devia envergonhar qualquer cidadão português.

Todas as forças que há dois anos se juntaram para destruir um cidadão honesto, digno, competente e íntegro, juntam-se agora para apoiar um corrupto vigarista e prestar vassalagem a um rude, repugnante e imoral ladrão de camiões.

Este é o Portugal onde vocês vivem. Um país onde o desporto, a política e a justiça há muito caíram no total descrédito. Um país onde os governantes e os ricos exploram os pobres e os obrigam a pagar pelos seus luxos e excessos. Este é o país que vocês estão a construir para dar como herança aos vossos filhos e netos.



Luís Teves

16/09/2020


392 visualizações11 comentários
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now