top of page
Buscar
  • Foto do escritorOpinião com Assinatura

Inês Simões 05/05/2020 - Disciplina Cívica

Governar é dar o exemplo e ultimamente têm sido só maus exemplos!

Ora bem, primeiro dizem-nos que é para evitar grandes aglomerações de pessoas e logo a seguir dá-se a celebração do 1 de Maio com aglomerações de pessoas, inclusive com autocarros da CGTP a andar de concelho em concelho (quando a regra era não sair do nosso concelho).  Ora bem, para uns temos regras para outros abrem-se excepções. Assim não, meus senhores! Depois deste precedente que abriram a seguir não se queixem se o comportamentos dos portugueses, nomeadamente o ir à praia quando o bom tempo chegar, for precisamente o mesmo!   Bom, depois deste primeiro desabafo que andou nas bocas do nosso País estes últimos dias, parece que estamos de volta à actividade económica, ainda que de forma gradual. Foram vários os espaços comerciais, a bem da economia, que reabriram ontem com várias medidas de prevenção e cuidados.  Eu acredito que vai ser muito difícil controlar o risco de contágio, sobretudo nos transportes públicos, mas como é importante e crucial ir trabalhar temos que correr esse risco.  Logo veremos no que vai dar traduzido em números daqui a uns meses.  Outra questão que me causa alguma irritabilidade na pele, é não existir qualquer previsão de alteração no panorama dos lares de idosos.  Ou seja, os idosos que estão nos lares, sem poderem estar com os seus familiares, não têm qualquer previsão de quando o poderão fazer e se o poderão fazer.  Se não morrem da doença, morrem da solidão.  Também sinto que vai ser mais difícil reabrir a actividade económica do que foi fechá-la, espero estar enganada. A ver vamos. 


Continuo, tal como a maior parte dos portugueses, à espera de noticias rápidas sobre a vacina. 



Inês Simões

05/05/2020


319 visualizações7 comentários

Posts recentes

Ver tudo

7 則留言


Jorge Mendes
Jorge Mendes
2020年5月06日

pois, os que eles querem chipar o pessoal com a vacina, o resto é uma farsa.

按讚

Pafan
2020年5月05日

Quanto ao nosso SCP, sofre do síndrome de Estocolmo.

É só pegar nas ideias acima descritas, para se juntar as peças do puzzle e de uma vez por todas se entender que quem quer defender o clube acima dos seus próprios interesses e vida é "aniquilado" pelos poderes instituídos na lampiolândia/corruptolândia, com a ajuda de conspiradores internos e externos (Dumbo).

Para pegar no imenso trabalho do anterior CD e nos contractos milionários por ele celebrados (vide, NOS) e destribuir o € por uma imensa cambada de sportingados (pior ofensa que escumalha e esqueletos,

diga-se de passagem) que vivem, literalmente à conta do SCP, mas que querem o campo grande football club de volta.

O lema do SCP é completamente contrário…

按讚

Pafan
2020年5月05日

Desde o primeiro rei do condado portucalense, D. Afonso Henriques, teve que guerrear com a sua mãe para mais tarde depois da batalha de Ourique se autoproclamar Rei.

Mais tarde con a implantação da república, foram necessárias várias conspirações e o regicídio, para se dar mais uma viragem.

Estado novo, muitos com fome e miséria, poucos com muitos previlegios e a viver à grande.

25 de abril de 1974, dá-se a revolução floricula, a chamada revolução dos cravos.

O que mudou além de mais liberdade de expressão, o balde (porventura já devem conhecer a expressão). Os que mandam continuam a viver à grande, a classe média a definhar e a ser o suporte desses proxenetas e a pobreza a aumentar…

按讚

Pafan
2020年5月05日

Boa tarde Inês 🙂

Obrigado pelo teu artigo e também espero que consigam acelerar uma vacina viável (rapidez, nem sempre é sinal de eficácia). Ainda há países da Europa onde os casos de SARS-CoV-2 estão a aumentar (Bulgária, por exemplo). Quando uma economia é fraca, como a nossa, uma pandemia destas é devastadora e vão ser necessários muitos anos, porque os ladrões e gatunos, desculpem, os "líderes" da lampiolândia/corruptolândia não vão deixar de tirar o seu para o bolso.

按讚

Teresa Amaro
Teresa Amaro
2020年5月05日

Apesar de não ser referido o Sporting Clube de Portugal e a situação caótica que vivemos como sportinguista, gostei do texto. Parabéns

按讚
bottom of page